Top 10 dos sítios a visitar em Lisboa

Lisboa, a capital e maior cidade de Portugal, aparece no topo da lista entre os destinos turísticos mais populares na Europa. A cidade das sete colinas conquistou o coração dos visitantes de todo o mundo, com uma sumptuosa mistura de tradição e modernidade.

Eis o top 10 dos sítios a visitar em Lisboa :

 

1. Torre de Belém

Declarada Património Mundial pela UNESCO desde 1983, a Torre de Belém foi construída entre 1515 e 1521 para vigiar o porto de Lisboa e assim controlar a passagem de navios. Com uma altura de 35 metros, ela oferece uma vista deslumbrante sobre o Tejo.

  •      Horários : de terça a domingo das 10h às 17h30 (18h30 no verão)
  •       Preço : 6 euros

Dica : por cerca de 12 euros por pessoa, algumas empresas oferecem um passeio de barco entre o Cais do Sodré e a Torre de Belém.

2. O bairro de Alfama

O popular bairro de Alfama é um dos mais antigos de Lisboa.

Localizado no coração da cidade, este lugar é definitivamente o mais típico para descobrir a cultura portuguesa. As ruas estreitas, varandas floridas, restaurantes, fado e cenas da vida quotidiana estão no programa.

Dica : Visite Alfama no eléctrico n° 28 ou a pé (venha com calçado adequado). Faça uma paragem numa das muitas tabernas antigas e desfrute de um prato de peixe fresco grelhado.

3. Museu Nacional do Azulejo

Este museu tem uma grande colecção de azulejos. Vai poder descobrir cerca de 7000 peças, alguns datam do século XVI.

  •      Horários : de terça a domingo das 10h às 18h
  •       Preço : 5 euros (redução para os + de 65 anos, jovens e famílias)

Dica : aproveite também para dar uma visita ao Museu de Arte Antiga e do Panteão Nacional, através do bilhete “circuito”, vendido a 15 euros.

4. Casa pastéis de Belém

Não pode sair de Lisboa sem provar o doce de Portugal: o Pastel de nata, servido com canela e açúcar. A “Casa pasteis de Belém” é considerada a melhor pastelaria de Lisboa, fabrica e distribui esta especialidade desde 1837!

Dica : para apreciar a atmosfera e assistir à criação dos pasteis de nata, Assente-se no interior da pastelaria e coma um pastel de nata com um café, simplesmente delicioso…

5. Mosteiro dos Jerónimos

Em 1502, o rei D. Manuel 1º decidiu construir um monumento religioso de estatura gigantesca. Localizado no bairro de Belém, este magnífico edifício reflecte a riqueza das descobertas portuguesas em todo o mundo no século XVI.

  •      Horários : de terça a domingo das 10h às 17h (18h de Maio a Setembro)
  •       Preço : 10 euros

Dica : Se também quiser visitar a Torre de Belém, escolha o bilhete “descoberta” e visite os dois monumentos por 12 euros em vez de 16.

6. Ponte 25 de Abril

Suspensa sobre o Tejo e inspirada da ponte de Bay Bridge  e de Golden Gate de San Francisco, a ponte 25 de Abril, rebaptizada após a Revolução dos Cravos, é uma das mais longas pontes suspensas do mundo. A sua construção começou em 1962 e foi concluída em 1966.

Dica : para ter uma vista deslumbrante sobre a ponte, vá até ao Cristo Rei.

7. Cristo Rei

Localizado no município de Almada,do lado direito do rio Tejo, de frente para Lisboa, o Cristo Rei é um santuário e um monumento religioso que representa o Sagrado Coração de Jesus.
Inspirado no Cristo Redentor do Rio de Janeiro, este magnífico edifício com 110 metros de altura foi inaugurado em 1959.

  •      Horários : todos os dias das 9h30 às 18h15 (19h no verão)
  •       Preço : 4 euros para aceder à estátua pelo elevador.

Dica : aproveite a oportunidade para passear pelas ruas charmosas de Almada.

8. Estádio Da luz

Templo do futebol Português, o Estádio da Luz, que deve o seu nome a um bairro da freguesia de Benfica, é o estádio do Sport Lisboa Benfica.
Apelidado de “catedral”, o estádio foi renovado para o Euro 2004, realizado em Portugal. Tem uma capacidade de cerca de 65.000 lugares (contra 120.000 para o antigo estádio).

  •      Horarios :  visitas em função dos jogos de futebol, das 10h30 às 12h e das 15h30 às 17h
  •       Preço : 5 euros

Dica : Se poder programe visitar Lisboa quando o jogo SL Benfica / FC Porto for realizado e tente obter bilhetes para o jogo mais importante do ano. Irá viver momentos únicos, uma atmosfera eléctrica que vemos em poucos estádios de futebol.

9. Mercados de Lisboa

É difícil escolher apenas um mercado em particular, porque cada um tem suas próprias características. Escolhi apresentar-lhe a Feira da Ladra (terça-feira 7h-14h, 14h-18h sábado), um mercado onde irá encontrar um pouco de tudo e o Mercado da Ribeira renovado em 2014. O mercado é dividido em duas partes, uma parte tradicional com a venda de produtos frescos (06h-14h) e a parte da restauração (10h-00h).

10. Bairro Alto

O bairro tem duas caras, popular de dia, e mais “chic” à noite. Há muitos bares, restaurantes, livrarias, discotecas e uma vista panorâmica excepcional.

Dica : acesso por dois elevadores, o Ascensor da Bica e o Elevador da Glória.

Vai visitar Lisboa pela primeira vez?

Convido-o a fazer o download do guia “Roteiro de 7 dias em Lisboa e arredores” para admirar as belezas da linda capital portuguesa.

  •     Dias necessários para visitar Lisboa: 4 dias
TransportesOnde ComerOnde DormirInformações Úteis

Como chegar a Lisboa

Pode vir até Lisboa de avião, de carro, comboio ou autocarro.

Se vier de avião, para ir até ao centro histórico de Lisboa tem 3 possibilidades : táxi, metro, autocarro. Se escolher o táxi, o percurso demora cerca de 15 minutos e custa em média 12€.  Pode também apanhar o metro dentro do aeroporto (linha vermelha) que o vai levar até ao centro histórico de Lisboa por apenas 1,40€. Se preferir o autocarro veja aqui as linhas disponíveis. Se comprar o bilhete a bordo o preço passa de 1,40€ para 1,80€.

Se vier de carro aconselho que veja aqui os parques de estacionamento disponíveis no centro de Lisboa.

Chegar a Lisboa de comboio é uma ótima opção se vier do Porto, Coimbra, Évora ou do Algarve. Para calcular os preços clique aqui.

O autocarro é uma boa opção se não existir uma estação de comboio perto do local de saída. Veja aqui as linhas disponíveis que ligam Portugal todo a Lisboa.

Como se deslocar em Lisboa

A melhor maneira para se deslocar em Lisboa é a utilização dos transportes públicos (metro, elétrico, autocarro).

Se entrar e sair várias vezes dos transportes públicos num dia aconselho que compre um bilhete diário.

O bilhete custa 6€ e permite andar de metro, autocarro, elétricos e elevadores de uma forma ilimitada. A utilização do bilhete ilimitado começa na primeira passagem nos transportes públicos e é valido até ao dia seguinte à mesma hora.

Ao comprar o bilhete terá de comprar o cartão Viva Viagem (0,50€) que poderá utilizar para carregar outros bilhetes (diários, ou à unidade).

Se fizer apenas 2 trajetos por dia compre um bilhete à unidade. Custa 1,40€ e permite andar nos transportes públicos durante 1 hora.

Importante: Nunca compre um bilhete a bordo dos autocarros e elétricos, o preço passa de 1,40€ para 1,80€ (autocarro) e 2,85€ (elétrico). Compre sempre nas maquinas automáticas do metro de Lisboa.

Pode também utilizar o cartão Lisboa Card para utilizar os transportes públicos gratuitamente. Para mais informações clique em “Informações Úteis” aqui em cima.

Todas as informações sobre Lisboa : visitlisboa.com

Posto de turismo

Lisboa Card : o cartão Lisboa Card permite a circulação grátis do Metro, nos autocarros, elétricos e elevadores da Carris. Pode também utilizar as linhas de comboio seguintes : Linha de Sintra e Linha de Cascais.

Para além de poder utilizar os transportes públicos gratuitamente terá também acesso gratuitamente a 25 museus, monumentos e outros locais de interesse.

O preço do cartão é de 18,5€ (24h), 31,50€ (48h) e 39€ (72h).

Vai visitar Lisboa? Não hesite em reservar o seu carro passando pelo link aqui em baixo. Vai-me permitir continuar a oferecer-lhe gratuitamente dicas e guias para visitar Portugal. Obrigado!

  Reserve aqui o seu carro

Também lhe vai interessar :

  • sítios para visitar em lisboa
  • sítios para passear em lisboa
  • sitios visitar lisboa
  • visitar em lisboa
  • braga sitios a visitar

Sobre Tiago

Tiago 28 anos de idade, parisiense desde os 12 anos, decidi partir para a aventura e realizar o meu sonho : conhecer o nosso país de uma ponta à outra. Acho que se não conhecemos as nossas origens não nos podemos conhecer realmente. Leia mais aqui