Top 10 das melhores caves de vinho do Porto a visitar!

O que seria uma visita ao Porto sem descobrir o que a torna tão orgulhosa e famosa? Nas margens do Douro, em Vila Nova de Gaia, encontram-se todas as caves de vinho do Porto. Seculares, elas fazem parte integrante da história da cidade.

A maioria, propõem visitas às suas caves para descobrir os segredos do Vinho do Porto. Combinadas com uma degustação, um espetáculo de fado ou um museu, estas visitas são experiências inesquecíveis a desfrutar durante a sua estadia.

Descubra as 10 melhores caves de vinho do Porto e faça uma viagem através da história da cidade. As caves são apresentadas neste artigo por ordem de preferência dos clientes.

Eis as 10 melhores caves de vinho do Porto

1 – Cave Churchill Graham Lda (4,8/5)

Churchill Graham Lda é uma das mais recentes caves, tendo sido criada em 1981.

Aqui, pode-se provar vinhos do Porto relativamente secos numa cave íntima e confidencial. Comparativamente às outras caves, Churchill Graham’s é mais pequena. Longe de ser um defeito, isto permite visitas mais precisas e agradáveis.

A cave Churchill Graham está aberta diariamente, das 10h às 18h. Está situada na rua da Fonte Nova 5, Vila Nova de Gaia.

Para lá chegar, apanhe o metro do Porto (linha D) na estação de São Bento e saia no Jardim do Morro. Depois apanhe o Teleférico de Gaia até ao cais de Gaia. Percorra os últimos 550 metros a pé. Se estiver na Ribeira do Porto, o percurso demora cerca de 20 minutos a pé (1,5 km).

O preço da visita e degustação dos vinhos do Porto varia entre os 5 e 20 euros. Para descobrir os vinhos do Douro, a degustação custará entre dez e quinze euros.

Site: drinkchurchills.com/pt/visitar/caves-da-churchills/

2 – Cave Poças (4,7/5)

Fundada à cerca de um século, a cave Poças é uma importante e inevitável cave gerida pela mesma família desde o início.

A cave Poças é conhecida pelos seus vinhos do Porto Tawny, mas também pelos seus DOCs Douro. Ainda intimista, a cave recebe cerca de 28.000 visitantes por ano.

Esta cave alberga atualmente mais de 800 barris contendo alguns dos vinhos mais preciosos da coleção Poças, tais como o famoso Colheita e os Portos Tawny.

A cave está situada na rua Visconde das Devesas 168, Vila Nova de Gaia e fica a 200 metros da estação de comboio Vila Nova de Gaia-Devesas (a 15 minutos da estação de comboio de São Bento. Linha Porto-Aveiro). Está aberta de terça-feira a sábado das 10h00 às 18h30 de julho a setembro e até às 17h30 de outubro a abril.

Quanto à degustação, os preços variam consoante os vinhos provados. A prova mais em conta custa 8 euros e permitir-lhe-á descobrir dois vinhos: o Poças Blanc e o Vinho do Porto Reserva Tintos.

Para os amantes de vinho, pode escolher a prova “Poças Vieux Temps” a 50 euros, durante a qual provará quatro vinhos Tawny de 10, 20, 30 e 40 anos.

Reserve aqui a sua visita

3 – Cave Cockburn’s Port Lodge (4,7/5)

caves-vinho-do-porto-portugal-caves-vin-porto

A Cockburn’s Port Lodge, fundada em 1815, é certamente a mais importante cave de vinho do Porto, dado que dispõe do maior armazém de vinhos de Vila Nova de Gaia. Mas não é tudo! A cave Cockburn é também famosa por ter a mais importante coleção de barris de carvalho do Porto e da sua região!

Durante a sua visita, poderá ver os barris a serem reparados pelos tanoeiros. Esta é uma verdadeira habilidade que infelizmente está a desaparecer.

No salão principal os visitantes poderão provar os vinhos do Porto. Para aqueles que querem fazer uma pequena pausa gastronómica, há um terraço onde poderá desfrutar de um piquenique.

Pode ver a minha visita à cave Cockburn’s Port Lodge neste vídeo:

Localizada na rua Serpa Pinto 346, Vila Nova de Gaia, a cave é acessível pelas linhas de autocarros 901 e 906, descendo na paragem Serpa Pinto. Pode apanhar estes dois autocarros em frente à estação do metro “Trindade” no Porto. Também pode sair na estação de comboio Vila Nova de Gaia-Devesas, que fica a 650 metros a pé.

O horário de abertura dependerá da altura do ano. Entre abril e outubro, a adega está aberta das 9h30 às 18 horas, enquanto de novembro a março fecha às 17h30 horas.

A visita com uma prova, custa entre quinze e cinquenta euros, dependendo do número e idade dos vinhos a provar.

Reserve aqui a sua visita

4 – Graham’s Port Lodge (4,6/5)

A Graham’s Port Lodge é uma das caves preferidas de quem visita a cidade do Porto. A razão é simples: ela oferece-lhe uma experiência inesquecível.

Aqui não encontrará uma cave que serve apenas de museu, a Graham’s Port Lodge ainda está em atividade e continua a envelhecer e a armazenar os seus vinhos. O armazém foi renovado em 2013, mas a cave existe desde 1820.

Durante a sua visita, irá descobrir a história das famílias que fundaram a marca que está hoje em dia presente no mundo inteiro. Mas não é tudo! A cave contém quase 15.000 barris (pipos e pipas) de carvalho. Alguns deles têm mais de um século de existência!

Durante a sua visita poderá também admirar a incrível coleção de Porto Vintage com garrafas que datam desde 1890 até aos dias de hoje.

Terminará a sua visita no Vinum, um bar e restaurante onde poderá apreciar a cozinha mediterrânea e portuguesa com uma magnífica vista panorâmica sobre o Porto.

A cave está localizada na rua de Rei Ramiro, Vila Nova de Gaia e pode ser alcançada pelas linhas de autocarros 901 e 906 a partir da estação “Trindade” no Porto. Saia na paragem “Agro”. Se decidir apanhar o teleférico de Gaia, terá de fazer uma caminhada de 15 minutos (1 km).

A cave está aberta das 9h30 às 18h30 de abril a outubro e das 9h30 às 18h00 de novembro a março.

Os preços para visitar a cave e fazer uma degustação começam nos 18 euros (os preços diferirão em função das provas escolhidas). Desde a prova Classic até à prova Super Premium Vintage Port, descubra os famosos vinhos do Porto!

Reserve aqui a sua visita

5 – Cave Adriano Ramos Pinto (4,5/5)

Ieva Haa, CC PAR 2.0, via Wikimedia Commons

A cave Adriano Ramos Pinto é bem conhecida entre os amantes do vinho do Porto pelas suas garrafas Lágrima, que não só apresentam uma representação de Jesus, mas também numerosas referências religiosas.

O fundador desta cave foi um homem religioso devoto e um grande amante de arte. Quando criou a sua marca em 1880, decidiu transmitir as suas paixões.

A cave Adriano Ramos Pinto é sem dúvida uma das mais belas adegas de Vila Nova de Gaia. Durante a sua visita descobrirá pinturas provocantes, ousadas e publicidades da Belle Époque. A visita será rica em anedotas históricas e vinhos saborosos.

Com uma duração aproximada de 40 minutos a visita permitir-lhe-á descobrir o processo de produção dos vinhos da marca, a história da cave e a maneira vanguardista com que os seus vinhos foram comercializados, o que tornou esta marca conhecida em todo o mundo. No final da visita, provará dois vinhos reserva: um tinto e um branco.

A cave Adriano Ramos Pinto está aberta diariamente das 10h às 18h, exceto domingo de Páscoa, 25 de dezembro e 1 de janeiro.

Está localizada na Avenida Ramos Pinto 400, Vila Nova de Gaia, mesmo ao lado do Teleférico de Gaia. O percurso a pé desde a Ribeira do Porto demora 10 minutos (menos de um quilómetro).

A visita à cave custa 12 euros para os adultos e 9 euros para os jovens dos 12 aos 18 anos. A visita é gratuita para crianças com menos de 12 anos.

Site: ramospinto.pt

6 – Cave Taylor’s Port (4,4/5)

caves de vinho do Porto
Gilles Messian de Paris, France, CC PAR 2.0, via Wikimedia Commons

A Taylor’s Port é uma das mais belas caves de vinho do Porto e a marca é uma das mais prestigiadas. Criada em 1692, foi a primeira cave a abrir as suas portas aos visitantes na década de 80 do século passado. No entanto, nessa altura, havia poucos turistas que visitavam o Porto.

A visita é feita com um guia áudio às onze áreas temáticas da adega, mas também ao museu da tanoaria da marca. Durante a sua visita, irá ver filmes, exposições, reproduções, pinturas e fotografias.

O ponto alto da visita é a descoberta da maior reserva de vinhos do Porto raros envelhecidos em barris. Um selfie spot permitir-lhe-á tirar algumas fotografias de recordação.

A visita terminará com uma prova de dois dos vinhos da marca: LBV, Porto vintage e Chip Dry Port – Extra White, um Porto branco criado em 1934.

A Taylor’s Port está aberta diariamente das 11h às 18h para a visita à cave e até às 19h para a degustação.

Para lá chegar, é necessário apanhar as linhas de autocarros 901 ou 906, sair na paragem “Choupelo” e descer até à rua do Choupelo 250, Vila Nova de Gaia. A outra opção é descer na estação “General Torres” da linha D do metro do Porto e andar um pouco menos de um quilómetro.

Também pode fazer o trajeto a pé desde a Ribeira do Porto (1 km), mas na parte final do percurso terá de subir um pouco.

A visita com o guia áudio e a prova custa 15 euros para um adulto e 6 euros para uma criança a partir dos 8 anos. Estes últimos irão desfrutar do mesmo guia áudio e ser-lhes-á oferecido um sumo de uva e pequenos biscoitos salgados no momento da degustação.

Site: taylor.pt

7 – Cave Real Companhia Velha (4,4/5)

caves de vinho do Porto
VolantCrimsonCochon, CC BY 2.0, via Wikimedia Commons

A cave Real Companhia Velha foi fundada em 1756 e é ainda hoje a marca de Vinho do Porto preferida dos portugueses. Ao visitar esta cave irá conhecer os vinhos da marca, mas também a história do vinho do Porto.

Em mais de 100.000 metros quadrados, os vinhos do Porto são envelhecidos durante dez, vinte, trinta, quarenta ou mais anos. Aqui, mais de dois séculos de história são revelados à medida que caminha através dos enormes barris.

As instalações albergam outra maravilha inestimável: uma coleção de quase 3.000 garrafas de vinho do Porto vintage. Entre elas, a joia da coroa: uma garrafa que data de 1756, tornando-a a mais antiga garrafa de vinho do Porto do mundo.

A cave Real Companhia Velha está aberta de terça-feira a sábado, das 10h às 18h. Para chegar à adega, situada na rua Azevedo Magalhães 314, Vila Nova de Gaia, é necessário apanhar a linha D do metro do Porto e sair na estação General Torres. A adega fica a cerca de 700 metros de distância.

Existem visitas para todos os “bolsos”. Os preços começam nos 12 euros para uma visita de 45 minutos e uma prova de quatro vinhos. Para uma prova de vinhos com mais de 40 anos, o preço será de 60 euros (+ 2 horas de visita).

Site: realcompanhiavelha.pt

8 – Cave Cálem (4,4/5)

caves de vinho do Porto
Julien Chatelain de Paris, France, CC BY-SA 2.0, via Wikimedia Commons

Fundada em 1859, a cave Cálem é uma marca de vinhos do Porto elegantes e arrojados. É famosa pelos seus Portos Vintage, LBVs e Tawnies envelhecidos. Foi a Cálem que teve a honra de produzir o primeiro Porto Vintage da história, em 1870.

Hoje em dia, a cave Cálem recebe mais de 235.000 visitantes por ano. A visita é memorável, e em função do tour escolhido, terá a oportunidade de assistir a um espetáculo de fado ou/e descobrir um museu interativo.

A cave Cálem está aberta diariamente das 10h às 19h de abril a outubro e encerra às 18h nos meses de novembro a março.

Localizada na Avenida Diogo Leite 344, Vila Nova de Gaia, pode ser alcançada pela linha D do metro do Porto, estação Jardim do Morro (terá de descer a pé 750 metros) ou atravessando a ponte Luís I a partir da Ribeira do Porto.

O preço dependerá do tour escolhido, dado que a cave Cálem oferece várias opções de visita.

  • O Tour & Taste Standard inclui uma visita guiada à cave, do museu interativo e uma prova de dois vinhos do Porto. Preço: 14 euros para um adulto e 6 euros para crianças com idades compreendidas entre os 11 e os 17 anos.
  • O Tour & Taste Premium inclui uma visita guiada à cave, ao museu interativo e uma prova de três vinhos do Porto. Preço: 17 euros para um adulto e 6 euros para uma criança de 11 a 17 anos.
  • O Tour & Fado inclui uma visita guiada à cave, ao museu interativo, uma prova de dois vinhos do Porto e um espetáculo de fado de 45 minutos. Preço: 23 euros.
  • Cheese & Chocolate inclui o museu interativo, a degustação de três vinhos do Porto, dois queijos, chocolate, etc. Preço: 35 euros.

Reserve aqui a sua visita

9 – Cave Burmester 4,4/5

A cave Burmester está situada em frente à ponte Luís I e do seu interior, os visitantes podem desfrutar de uma vista magnífica sobre o rio Douro e o Porto. O ambiente aqui é elegante e as paredes estão cheias de história para descobrir durante a visita.

A qualidade dos vinhos do Porto produzidos nesta cave torna-a uma das mais populares da cidade, tanto para os visitantes como para os locais.

Uma visita à cave permitir-lhe-á familiarizar-se com a produção destes vinhos, desde a uva até ao copo, e conhecer a sua história. A cave está aberta diariamente das 10h às 19h.

Uma visita clássica com uma prova de dois vinhos custará 13 euros por adulto e 6,50 euros por criança. Por apenas 17 euros terá direito a uma degustação de três vinhos com chocolates deliciosos.

A cave está localizada no Largo Dom Luís I, e pode ser alcançada pela linha D do metro do Porto, estação Jardim do Morro, ou atravessando a ponte Luís I a partir da Ribeira do Porto.

Reserve aqui a sua visita

10 – WOW Porto

Para além das magníficas caves que lhe apresentei acima, não hesite em descobrir o WOW Porto, The World of Wine. Aqui, nada menos que 55.000 metros quadrados de antigas caves no coração do bairro vinícola de Vila Nova de Gaia foram transformados num centro de exposições, de cultura e gastronomia de classe mundial.

WOW Porto alberga nada menos do que sete museus com temas tão variados como o vinho, cortiça, chocolate, moda e a colecção The Bridge, que apresenta uma vasta gama de recipientes e copos com vários séculos.

O museu do vinho The Wine Experience (compre aqui os seus bilhetes) vai permitir que conheça todas as fases da produção do vinho, compreender os diferentes estilos e como prová-los. Antes do fim da visita, terá o prazer de degustar um copo de vinho para testar os seus conhecimentos.

Porto Region Across The Ages (compre aqui os seus bilhetes) é um museu que lhe mostrará a história, a cultura e as pessoas genuínas da cidade do Porto.

Planet Cork (compre aqui os seus bilhetes) irá contar-lhe a história da cortiça em Portugal, o país que mais produz cortiça no mundo, todo o processo e os diferentes tipos de utilização deste material (rolhas para garrafas, arquitetura, engenharia automóvel, etc.).

O museu do chocolate «The Chocolate Story» (compre aqui os seus bilhetes) é ideal para os amantes desta doce iguaria. Conhecerá todas as fases de produção, desde a fava de cacau até à barra de chocolate, e terá até a oportunidade de o saborear.

The Bridge Collection (compre aqui os seus bilhetes) é um museu que lhe mostrará a história do consumo de álcool através dos copos utilizados ao longo dos séculos.

O museu Porto Fashion & Fabric Museum (compre aqui os seus bilhetes) irá dar-lhe a conhecer a indústria têxtil portuguesa e a arte da filigrana.

O último museu da lista é o Pink Palace (compre aqui os seus bilhetes), dedicado ao vinho rosé. Ao longo da visita, pode provar cinco rosés de diferentes marcas (Quinta do Vale do Bragão Rosé, AIX Gran Vin de Provence Rosé, Mateus Rosé, Vértice Rosé Bruto e Croft Pink Rosé Port).

Informação: será impossível visitar todos os museus, a menos que planeie ficar no WOW Porto durante vários dias! Sugiro que visite em prioridade o The Wine Experience e o Porto Region Across The Ages.

Para além dos museus, o WOW Porto tem nove restaurantes e bares, entre os quais o 1828 Steakhouse, o Golden Catch (peixe e marisco), Root & Vine (vegetariano), T&C (gastronomia portuguesa) e o espetacular bar Angel’s Share (bar de vinhos).

De todos os restaurantes disponíveis, testei o Golden Catch e o T&C. É pouco provável que fique desapontado com a qualidade que eles oferecem!

Para além dos restaurantes, bares, museus, lojas, o WOW Porto irá oferecer-lhe uma das mais belas vistas da autêntica cidade do Porto.

caves de vinho do Porto

Para lá chegar, pode ir de carro (estacionamento no local), apanhar os autocarros 901 e 906 (paragem Choupelo), descer na estação General Torres (linha D do metro do Porto) e andar 800 metros. Pode também subir 300 metros desde a estação Cais de Gaia do teleférico de Gaia ou andar 1 km a partir da Ribeira do Porto.

Clique no mapa para aceder ao Google Maps

Vai visitar o Porto? Então não hesite em reservar o seu hotel , o seu carro ou as melhores atividades passando pelos links aqui em baixo. Vai-me permitir continuar a fornecer-lhe gratuitamente dicas e guias para visitar Portugal. Obrigado!

Também lhe vai interessar: