A localização privilegiada no sul de Portugal e as muitas horas de sol fazem do Algarve um dos destinos preferidos de quem visita o país.

Com estâncias balneares mesmo à beira-mar e praias selvagens, esta região nunca para de surpreender os viajantes mais exigentes. Se deseja visitar o Algarve e descobrir os lugares mais bonitos da região, leia este artigo!

Artigos que também lhe podem interessar:

Eis o top 20 dos sítios a visitar no Algarve:

1. Rota Vicentina

Praia do Telheiro - Algarve - Portugal

Formada por cerca de 450 km de percursos pedestres, a Rota Vicentina estende-se ao longo de um dos mais bonitos parques naturais de Portugal, Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina.

No Algarve poderá explorar parte do Caminho Histórico, do Trilho dos Pescadores ou experimentar um dos percursos circulares (Praia de Odeceixe, Da Bordeira até ao Mar, Endiabrada e os Lagos Escondidos e Cerros da Carrapateira).

Independentemente do percurso pedestre que escolher, terá a garantia que irá descobrir algumas das mais bonitas paisagens naturais, com belas praias e localidades autênticas.

Dicas: os melhores meses para fazer uma caminhada por estes percursos pedestres são os que vão de de setembro a junho. Evite os meses mais quentes, saia do seu alojamento de manhã cedo e leve sempre consigo uma garrafa de água para se manter hidratado.

2.  Sagres

Sagres - Algarve

Sagres é a vila mais a sudoeste de Portugal e tem dois pontos de interesse que não quererá perder: o Cabo de São Vicente e a Fortaleza de Sagres.

Perfeito para os amantes da natureza, o Cabo de São Vicente foi classificado como reserva natural em 1988, o que não é de admirar, dado o número de espécies que elegeram este sítio como seu domicílio: lontras marinhas, garças, águias de Bonelli, etc.

Esta parte da costa também tem a sua história e desde a Idade Média que esta ponta da Europa era chamada “o fim do mundo”.

A Fortaleza de Sagres localiza-se nas falésias da Ponta de Sagres e foi construída em meados do século XV para proteger esta parte do território português.

No interior da fortaleza não irá encontrar muito mais do que a pequena Igreja de Nossa Senhora da Graça e uma rosa-dos-ventos mas saiba que este local oferece algumas das mais fantásticas vistas sobre o Oceano Atlântico.

Informação: parta de Lagos numa carrinha vintage Volkswagen numa viagem ao património do oeste algarvio (link afiliado). Nesta visita guiada de 4 horas terá a oportunidade de descobrir alguns pontos de interesse pouco conhecidos, mas nem por isso menos interessantes como é o caso dos menires de Padrão e Milrei, o Promontório de Sagres, o Cabo de São Vicente e as pegadas de dinossauro na Praia da Salema. Sem dúvida, uma atividade única e a não perder!

3. Lagos

Lagos é uma das cidades mais turísticas do Algarve mas, ao contrário das outras, esta cidade conseguiu preservar a sua autenticidade.

Ao visitar Lagos, perca-se nas ruelas do seu centro histórico e desfrute do charme desta cidade. Depois, visite o autêntico Mercado Municipal.

Após a sua visita ao centro histórico, vá descobrir o forte de Ponta da Bandeira, construído no século XVII. Aqui poderá admirar a pequena capela de Santa Bárbara, revestida de azulejos, e a magnífica vista sobre o mar.

Localizada perto da cidade portuária de Lagos, a Ponta da Piedade é um sítio natural excecional. A ponta oferece uma vista deslumbrante sobre o Cabo de São Vicente, tem falésias extravagantes e é composta por arcos e grutas. Para visitar esta maravilha da natureza é melhor falar com os pescadores, presentes perto do local.

Ponta da Piedade - Lagos - Algarve

Dica: o lugar é acessível tanto por terra como por mar, no entanto, para uma imersão total, prefira os barcos de pesca. A segurança é básica, por isso tenha cuidado, especialmente se estiver com crianças.

Como alternativa aos passeios de barco, opte por um passeio de caiaque na Ponta da Piedade (link afiliado). Durante as 2h30 desta atividade, aproveite para explorar as águas cristalinas do Atlântico junto às belas formações rochosas que se encontram neste ponto de interesse. A não perder!

Informação: para ter mais informações acerca da cidade e deste monumento natural, leia como foi a minha visita a Lagos.

4. Alvor

Alvor é uma das vilas mais antigas e mais bonitas do Algarve e é outro local que não quererá perder quando visitar esta região!

Ligada desde há muito tempo à atividade pesqueira, Alvor soube acompanhar a evolução dos tempos e atualmente grande parte da sua economia está dependente da indústria do turismo.

Nesta vila, irá descobrir alguns locais como a Igreja da Misericórdia, o mercado municipal e a foz da Ria de Alvor onde poderá admirar aves de diferentes espécies que escolheram este sítio para nidificar e não só.

Um dos locais que se destacam nesta vila é a grande Praia de Alvor onde pode relaxar e desfrutar do tempo quente ou fazer uma caminhada de 5 km naquele que é o maior passadiço do Algarve.

Alvor-Portimao-Algarve

Informação: para ter mais informações acerca desta vila bem como os locais a visitar, leia como foi a minha visita a Alvor.

5. Portimão

Portimão tem uma história de vários séculos e é atualmente uma das cidades mais importantes do Algarve. É também um dos lugares que mais atrai visitantes devido às suas belas praias, mas a cidade tem outros locais de interesse a não perder!

Ao visitar a cidade, aproveite para descobrir o bonito Museu de Portimão, inaugurado em 2008 e localizado numa antiga fábrica de conservas construída no século XIX. Aqui poderá aprender mais acerca da história e cultura de Portimão e a sua ligação ao mar e à pesca.

Para além do museu, aproveite para se perder nas bonitas ruas desta cidade e admire outros pontos de interesse como a Igreja de Nossa Senhora da Conceição e a Igreja e Colégio dos Jesuítas.

Antes de sair de Portimão, vá até à Fortaleza de Santa Catarina, situada na foz do rio Arade. Aqui, poderá desfrutar da bonita vista sobre uma das praias mais famosas de Portugal, a fantástica Praia da Rocha.

Informação: para ter mais informações acerca desta cidade bem como os locais a visitar, leia como foi a minha visita a Portimão.

6. Ferragudo

A bonita vila de Ferragudo está de frente para a cidade de Portimão mas pertence ao concelho de Lagoa.

Esta vila tem um encanto muito próprio e aqui poderá passear pela zona ribeirinha e desfrutar das belas praias a partir das quais poderá admirar o pequeno mas bonito Castelo de São João de Arade, construído em meados do século XV.

Para além do castelo e das belas praias, aproveite a sua visita a Ferragudo e perca-se nas bonitas ruas típicas que, com certeza, o encantarão.

Informação: para ter mais informações acerca desta vila bem como os locais a visitar, leia como foi a minha visita a Ferragudo.

7. Serra de Monchique

Serra de Monchique - Foia - Algarve

A Serra de Monchique é um dos poucos tesouros que os visitantes esquecem de explorar no Algarve, pois está localizada no interior, longe de belas praias e cidades costeiras.

Para conhecer o ponto mais alto do Algarve, dirija-se a Fóia – aí poderá desfrutar duma fantástica paisagem, com vista sobre toda a região algarvia, sobre as suas florestas e povoações em redor da serra.

A cerca de 8 km de distância irá encontrar o centro histórico da vila de Monchique onde deverá passear pelas bonitas ruas típicas e, se fizer um pequeno desvio, poderá ainda ficar a conhecer as ruínas dum antigo convento construído no século XVII, o Convento de Nossa Senhora do Desterro.

Não termine a sua visita à Serra de Monchique sem antes conhecer a localidade de Caldas de Monchique, uma estância termal que remonta à época da ocupação romana.

8. Carvoeiro

© wikipedia.org – Bengt Nyman

Considerada uma das mais belas vilas da região algarvia, o Carvoeiro é um autêntico postal de visitas para quem quer conhecer o sul de Portugal.

Para além das fantásticas praias que aí encontrará como a Praia do Carvoeiro e a Praia do Vale Centeanes, terá outros pontos de interesse que não deve perder.

Depois de desfrutar da bonita paisagem, convido-o a fazer uma caminhada pelo passadiço que liga o local das ruínas do Forte da Nossa Senhora da Encarnação ao Algar Seco, num percurso com cerca de 570 metros. Este passadiço é, sem dúvida, um dos mais bonitos do Algarve e dá a conhecer as bonitas falésias e as “janelas” naturais esculpidas pela erosão do mar e do vento, sobretudo na zona de Algar Seco.

Outro local imperdível para quem quer visitar o Carvoeiro e arredores é o Algar de Benagil. Este sítio só é acessível por mar mas vale bem a pena visitá-lo! Faça um passeio de barco até esta gruta oceânica e conheça um dos mais belos sítios de Portugal.

© Julius Silver on Pixabay

Informação: se quiser visitar o Algar de Benagil e outras grutas, não hesite em reservar um passeio de barco. Suba a bordo de uma embarcação, na marina de Albufeira ou na marina de Olhão (links afiliados), e vá descobrir sítios inacessíveis por terra e admirar os bonitos golfinhos que passeiam por estas águas do Atlântico!

Saiba que, para além de um experiente capitão que conhece as águas desta zona como ninguém, ocasionalmente terá também a bordo um biólogo marinho que lhe dará uma perspetiva única sobre a riqueza marítima desta região e, em particular, sobre os golfinhos que costumam nadar por esta zona.

9. Silves

Considerada como uma das cidades mais antigas de Portugal, Silves é um destino a não perder quando visitar o Algarve, sobretudo por dois monumentos com séculos de história, o castelo e a antiga catedral de Silves.

Construído entre o século VIII e o século X pelos Mouros, a sua arquitetura particular é testemunha da presença do povo muçulmano. O castelo, também chamado de “fortaleza vermelha” por causa da sua cor, está no cimo e de frente para a cidade de Silves.

Podemos também, a partir de vários pontos, observar a cidade na sua totalidade, a Serra de Monchique e até os pomares aí presentes. Considerado um dos monumentos mais importantes da Península Ibérica, é desde 1910 monumento nacional.

A antiga catedral começou a ser construída na segunda metade do século XIII mas só no século XVIII é que veio a ser concluída. Devido à duração das obras, dois estilos arquitetónicos destacam-se neste monumento – o gótico e o barroco.

Devido à perda de importância de Silves em relação às cidades costeiras, a sede da diocese do Algarve e o estatuto de catedral foram transferidos para Faro durante o século XVI.

10. Alte

Alte - Algarve

Situada literalmente no centro do Algarve, a aldeia de Alte é outro dos tesouros ainda por descobrir pela maior parte das pessoas que visita o Algarve.

Perca-se pelas ruas estreitas desta localidade e admire as casas tipicamente pintadas de branco até chegar à bonita Igreja de Nossa Senhora da Assunção, construída no século XIII e remodelada ao longo dos tempos. Aí poderá admirar o seu portal em estilo manuelino e o interior com bonitos painéis de azulejos.

Se visitar esta aldeia no verão, saiba que a 500 metros de distância da igreja pode desfrutar das águas refrescantes da Cascata Queda do Vigário ou, na outra ponta da aldeia, da Fonte Grande, uma praia fluvial.

Alte - Algarve 1

11. Caminhada “Percurso dos 7 Vales Suspensos”

Se, como eu, adorar bonitas paisagens então saiba que não deve sair do Algarve sem fazer o Percurso dos 7 Vales Suspensos.

Este percurso de 5,7 km (11,4 km ida e volta) acompanha as falésias entre a Praia da Marinha e a Praia do Vale Centeanes. Saiba também que o percurso dos 7 Vales Suspensos proporciona umas paisagens fantásticas e, se o visitante quiser, poderá fazer uma paragem numa das 3 praias (Marinha, Vale Centeanes e Benagil).

Para ter acesso ao mapa do percurso, clique aqui.

12. Igreja de São Lourenço de Almancil

Igreja de Sao Lourenco de Almancil

Construída no século XVIII, em honra de São Lourenço, esta igreja localizada em Almancil pode parecer simples quando vista do exterior.

Completamente branca, em linhas barrocas e coberta com uma torre quadrada, é apenas quando entramos na igreja que descobrimos o seu segredo: cenas da vida do santo em azulejos e estátuas que datam do período de construção da igreja.

13. Parque Natural da Ria Formosa

Ria Formosa - Algarve

Reserva natural desde 1978, foi em 1987 que se tornou um parque natural. A Ria Formosa contém uma biodiversidade significativa e abrange 60 km de comprimento e mais de 18 000 hectares no total. Este parque natural é constituído principalmente por ilhas, pântanos e canais, um espetáculo único no mundo.

Dica: Antes de explorar as ilhas do parque, vá até ao Centro de Educação Ambiental de Marim e conheça o seu percurso pedestre de 3 km onde pode admirar a fauna e flora locais.

Informação: quer explorar a Ria Formosa de bicicleta e na companhia de um guia experiente? Se for o caso, saiba que esta atividade de 5 horas (link afiliado) é ideal para ter um dia diferente no Algarve. Seja com família, amigos ou mesmo sozinho, descubra de bicicleta e num percurso fácil algumas maravilhas deste parque natural junto à cidade de Faro.

14. Palácio de Estói

Palacio de Estoi - Algarve

Localizado a pouco mais de 10 km de Faro, o Palácio de Estói é outra maravilha que não pode perder quando visitar o Algarve.

Apesar de ter uma história relativamente recente, pois terá sido construído em meados do século XIX, este palácio e propriedade envolvente são dos mais bonitos espaços que pode encontrar nesta região.

Saiba que ao visitar este bonito sítio irá encontrar o único palácio em estilo rococó e com jardins em estilo francês no Algarve, o que lhe dá um encanto especial. Para além dos jardins, pode ainda admirar os lagos, fontes, estátuas e fantásticos painéis de azulejos.

Palacio de Estoi - Algarve 1

Apesar de ser atualmente uma pousada de luxo, parte desta propriedade pode ser visitada sem necessitar de passar aí a noite.

15. Faro

Faro - Algarve

A cidade de Faro é a porta de entrada para todos aqueles que querem visitar o Algarve e vêm de avião, mas é frequentemente esquecida por muitos dos visitantes que partem diretamente para as várias estâncias balneares da região.

Situado apenas a 6 km do aeroporto, o centro histórico de Faro vai conquistá-lo com as suas ruelas paradas no tempo e a sua bela catedral de onde poderá desfrutar de uma magnífica vista sobre a Ria Formosa.

Ria Formosa - Algarve

Dica: depois da sua visita ao centro histórico, não perca a oportunidade de fazer um passeio de barco para descobrir as maravilhas do Parque Natural da Ria Formosa. Para além de descobrir a fauna e a flora, poderá também visitar 4 ilhas, algumas das quais habitadas por pescadores.

Informação: para ter mais informações acerca desta cidade bem como os locais a visitar, leia como foi a minha visita a Faro.

Para conhecer o meu Top dos melhores passeios e atividades no Algarve, clique aqui!

16. Tavira

Tavira é sem dúvida alguma a cidade mais pitoresca do Algarve. Tendo surgido durante a ocupação romana, é durante a ocupação árabe que ganha maior importância e até ao século XVII, altura em que Portugal abandona os seus territórios no norte de África.

Ao visitar Tavira, irá descobrir uma cidade com 21 igrejas, um antigo bairro árabe, ruínas de um castelo onde poderá desfrutar de uma fantástica vista sobre Tavira, uma ponte de origem romana e as ruelas por onde vai adorar perder-se.

17. Cacela Velha

Localizada a 11 km de Tavira, a pitoresca aldeia de Cacela Velha oferece aos seus visitantes fantásticas vistas sobre o mar e as ilhas do Parque Natural da Ria Formosa.

Para além da panorâmica que tem da Ria, pode também encontrar nesta aldeia a bonita igreja matriz e o forte de Cacela Velha, construído no século XVII.

18. Castro Marim

Castro Marim - Algarve

Situado junto à fronteira com Espanha e na margem direita do rio Guadiana, Castro Marim foi, desde o início da nacionalidade portuguesa, um palco de várias batalhas devido à sua posição estratégica.

Para além da extração do sal, também aqui o turismo tem um papel fundamental na economia. Mas não são só as praias que atraem todos os anos milhares de visitantes à vila!

Saiba que aqui pode admirar o bonito castelo onde decorre todos os anos, em agosto, a fantástica feira medieval, um evento onde pode desfrutar de música medieval, teatro de rua e muito mais.

Mas há ainda outros pontos de interesse que pode admirar na vila tal como o Forte de São Sebastião, monumento nacional construído no século XVII, e a Reserva Natural do Sapal de Castro Marim e de Vila Real de Santo António, local onde pode admirar as salinas, sapais e outros terrenos perfeitos para as aves nidificarem.

19. Alcoutim

Alcoutim - Algarve - Portugal

Tal como Castro Marim, também Alcoutim é uma vila situada junta à fronteira com Espanha, separada apenas pelo rio Guadiana.

Um dos principais pontos de interesse desta localidade é o castelo medieval, construído na segunda metade do século XIII para vigiar o tráfego fluvial e proteger a vila de eventuais ataques das forças castelhanas.

Para além do castelo, pode ainda percorrer as ruas desta pacata vila algarvia e admirar as bonitas casas, a Igreja de São Salvador e a Ermida de Nossa Senhora da Conceição. Para terminar a sua visita, nada como desfrutar das águas calmas da praia fluvial do Pego Fundo.

20. Parques Temáticos e Aquáticos

© wikipedia.org – Joseolgon

Outro fator importante e que contribui para a oferta turística do Algarve é a diversidade de parques aquáticos e temáticos que pode conhecer nesta região.

Nesse aspeto tenho de destacar o Zoomarine, um parque aquático temático que recebe cerca de 500 mil visitantes por ano. Aqui as pessoas podem desfrutar de várias atrações como espetáculos de golfinhos, focas e aves de rapina e, claro, diversões para os mais novos.

O mais recente parque temático da região do Algarve é o Sand City. Aqui terá a oportunidade de admirar algumas das mais fantásticas esculturas de areia do mundo! Este parque teve origem no Festival Internacional de Escultura em Areia que, ao longo dos anos, apresentou esculturas alusivas a vários temas como as Descobertas, Hollywood e a Música.

Se, no entanto, é um viciado em adrenalina e procura emoções fortes então conheça parques aquáticos como o Slide & Splash e o Aquashow Park. Ambos os parques entraram na lista dos 20 melhores parques aquáticos da Europa, segundo o TripAdvisor. Aqui poderá desfrutar dos escorregas mais básicos e outros que metem medo a muita gente. Aproveite!

Informação:  como deve ter reparado, neste artigo não consta nenhuma praia. Não se preocupe! Descubra o artigo que escrevi com o meu Top 10 das melhores praias do Algarve.

Roteiro para visitar os sítios mais bonitos do Algarve

Se está de visita ao Algarve, então saiba que a melhor forma de conhecer esta região é alugar um carro (link afiliado). Isso permitirá que tenha mais liberdade e descubra as maravilhas do Algarve às quais não chegará de transporte público.

Para lugares onde chegam os transportes públicos, aconselho na mesma a que vá de carro se estiver apenas alguns dias no Algarve e quiser descobrir a maioria dos lugares apresentados neste artigo. Assim, não perderá tempo esperando pelo autocarro ou comboio e terá mais flexibilidade nas suas viagens.

Se, ainda assim, preferir os transportes públicos, consulte aqui os horários para os comboios e aqui os horários para os autocarros.

A outra possibilidade, para quem não tem muito tempo e não deseja alugar um veículo, é fazer visitas guiadas em cada dia para descobrir o melhor do Algarve.

Para visitar todos os lugares deste artigo de carro, recomendo que escolha um alojamento localizado entre Faro e Portimão, para que a viagem de um lugar para outro seja curta e para que possa aproveitar cada dia ao máximo.

A outra possibilidade é escolher 3 alojamentos (1 no oeste, 1 no centro e 1 no leste do Algarve) e mudar a cada 2 dias.

Conheça, de seguida, o itinerário que eu aconselho que faça para descobrir em 6 dias os 20 lugares presentes neste artigo:

No primeiro dia, recomendo que visite o bonito Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina e conheça as belas praias bem como, pelo menos, um dos percursos pedestres que constituem a Rota Vicentina. Depois, siga até ao ponto mais a sudoeste de Portugal onde pode visitar o Cabo de São Vicente e a Fortaleza de Sagres. Finalmente, termine o dia na bonita cidade de Lagos.

No dia seguinte, continue a explorar o oeste algarvio e dirija-se para a vila de Alvor. De seguida, pode explorar a cidade de Portimão onde pode admirar as belas praias.

Para terminar o dia, visite duas das mais belas localidades do Algarve, Ferragudo e Carvoeiro. Também pode fazer o magnífico percurso pedestre dos Sete Vales Suspensos, com uma duração aproximada de 5 horas.

Se você optar por caminhar, terá que limitar sua visita a Alvor e Portimão para ter tempo de terminar sua caminhada antes do pôr-do-sol.

No terceiro dia, proponho que descubra o interior algarvio, pois não é só a costa do Algarve que merece ser conhecida. Comece por explorar a aldeia de Alte, depois prossiga até ao ponto mais alto da região, situado na Serra de Monchique e termine o dia com uma visita à cidade de Silves onde pode admirar o bonito castelo bem como a catedral.

No dia seguinte, recomendo que vá admirar a bela Igreja de São Lourenço, em Almancil. Depois siga até à localidade de Estói onde pode visitar o seu belo palácio. Caso ainda não tenha explorado Faro, então aproveite este dia para o fazer.

No quinto dia, aproveite para explorar o Parque Natural da Ria Formosa. Faça um passeio de barco e descubra as ilhas, admire a fauna e flora e aproveite para dar um mergulho. Da parte da tarde, dirija-se a Tavira e descubra esta bonita cidade.

Reserve o próximo dia para conhecer o este algarvio. Comece pela aldeia pitoresca de Cacela Velha, depois descubra as bonitas vilas fronteiriças de Castro Marim e de Alcoutim.

Claro está que estes roteiros são apenas sugestões. Aproveite para desfrutar de algumas horas de sol e dar uns mergulhos nas belas praias algarvias e, se tiver tempo e gostar, passe um dia num dos bonitos parques aquáticos que pode encontrar no Algarve. Quer conhecer o meu roteiro de 6 dias pela região algarvia? Então, não hesite e clique aqui.

Onde dormir no Algarve

Hotel Faro **** Faro (link afiliado)

Localizado no centro de Faro, apenas a 5 minutos a pé da estação ferroviária e do terminal rodoviário, este moderno hotel tem vista para a cidade velha, para a marina e para o Parque Natural da Ria Formosa. O acesso Wi-Fi está disponível gratuitamente em todo o hotel.

Durante a época de Verão, o Hotel Faro dispõe de um serviço de transporte gratuito para a Praia de Faro, onde está situado o Clube de Praia do hotel.

Dom José Beach Hotel *** Quarteira (link afiliado)

O Dom José Beach Hotel oferece vistas panorâmicas para o mar e está localizado diretamente na Praia de Quarteira. Disponibiliza quartos modernos com televisões de ecrã plano e uma piscina exterior. Conheça este que é um dos melhores hotéis no Algarve.

Hotel Made Inn ** Portimão (link afiliado)

O Made Inn Portimão apresenta quartos modernos com acesso Wi-Fi gratuito, situa-se apenas a 10 minutos a pé da Estação Ferroviária de Portimão e está rodeado por lojas e restaurantes. Apresenta um terraço com vistas panorâmicas sobre a cidade.

Informação: para conhecer as minhas outras sugestões de alojamento para a sua estadia no Algarve, clique aqui.

Onde comer

Faaron Steakhouse (Faro)

Real Portuguese Cuisine (Lagos)

Restaurante Ruccula (Alvor)

Restaurante Brisa do Rio (Tavira)

Marisqueira Rui (Silves)

Restaurante O Luar da Fóia (Monchique)

Sabor’arte (Aljezur)

Stews & More (Albufeira)

Bragança Mar (Quarteira)

Tradições e Festividades

Santos Populares em Quarteira

Em Portugal, não é apenas em Lisboa e no Porto que se celebram os santos populares. Um dos mais bonitos e elaborados cortejos de santos populares em Portugal tem lugar em Quarteira, em junho.

Perto do mar, milhares de pessoas desfilam nos seus bonitos trajes e deliciam os visitantes com coreografias e músicas feitas para esta ocasião. Centenas de figurantes, coreógrafos, maquilhadores, costureiras e outros contribuem para o sucesso deste evento ao longo dos anos. Os cortejos começam às 21h nos dias 12, 23 e 28 de junho, vésperas dos dias de Santo António, São João e São Pedro.

Feira Medieval de Silves

Se visitar o Algarve em agosto, não perca a oportunidade de ir à Feira Medieval de Silves onde pode descobrir como os árabes e cristãos viviam na Idade Média.

Durante uma semana, a vila é povoada por personagens doutros tempos, como acrobatas, malabaristas, dançarinos e encantadores de serpentes. Não perca a oportunidade de tirar este curso de história viva, embelezado com desfiles de nobres, torneios de cavaleiros e arqueiros e artesãos e comerciantes a vender os seus produtos.

Dias Medievais de Castro Marim

No final de agosto, Castro Marim volta à Idade Média durante quatro dias. Numa reconstituição histórica, a vila junta novamente reis e rainhas, cavaleiros em armaduras brilhantes, bobos, nobres e damas. A corte inteira desfila perante os visitantes que todos os anos rumam àquela vila para viver este fantástico evento. Saiba ainda que, durante este evento, pode assistir a torneios medievais, teatro de rua e banquetes com música dessa época.

Paderne Medieval

Paderne Medieval é uma reconstituição histórica e etnográfica relacionada com o século XIV. As barracas com especialidades gastronómicas, produtos artesanais e os espetáculos medievais fazem todos parte do programa. É um dos eventos mais antecipados pelos habitantes da região, pelos visitantes portugueses e estrangeiros e é garantido que atrai milhares de pessoas a um sítio único e muito especial, entre as 12h e as 21h durante os dias do evento que se realiza no final do ano.

Quando visitar o Algarve

Como já deve ter reparado, o Algarve é uma região muito bonita, com muitos pontos de interesse, um clima fantástico, boa gastronomia e, claro está, algumas das melhores praias. Por causa de tudo isto, este tem sido desde há vários anos um destino de eleição em Portugal.

Conheça, de seguida, quais as melhores alturas do ano para visitar o Algarve tendo em conta, claro está, as suas preferências.

Dependendo do clima

O sul de Portugal é uma região muito seca no verão, especialmente em julho e agosto. Paradoxalmente, a terra mais a sul do país, a região do Algarve, beneficia de um clima mediterrânico ao longo do ano, mas claro que os meses de julho e agosto atingem as temperaturas mais altas com uma máxima média de 29 ºC. Os meses mais frios são os de dezembro, janeiro e fevereiro, mas as temperaturas mínimas não costumam estar abaixo dos 10 ºC.

Devido a este clima característico, saiba que o Algarve é a região portuguesa com mais dias de sol e com menor probabilidade de chuva juntamente com o Alentejo.

Dependendo das festividades

Como já tive oportunidade de referir, o Algarve tem várias festividades que atraem milhares de visitantes ao longo do ano. Nesse sentido, saiba que os meses em que terá a oportunidade de viver algo diferente são os de junho (santos populares de Quarteira), de agosto (festas medievais de Silves e Castro Marim) e de dezembro (festa medieval de Paderne). Veja como as diferentes localidades ficam decoradas nestas alturas e sinta a atmosfera única que caracteriza estes momentos.

Melhor altura para visitar o Algarve

Se não é adepto de grandes multidões, então evite a época alta, em particular os meses de julho e agosto pois são os meses mais turísticos e os que atraem mais pessoas à região. Mas não se preocupe pois também pode apanhar um clima agradável nos meses de maio, junho, setembro e outubro.

Apesar de estes meses serem os melhores para visitar o Algarve, saiba que esta é uma região que pode ser visitada durante todo o ano pois tem um clima muito agradável e uma riqueza gastronómica e cultural únicas que podem ser admiradas e desfrutadas em qualquer altura.

Como já viu, esta região tem vários pontos de interesse de este a oeste, no litoral e no interior. Explore as cidades antigas que apresentam vestígios da presença muçulmana, admire os parques naturais, conheça o ponto mais a sul do continente europeu e, claro, desfrute das maravilhosas praias e águas que fazem do Algarve um destino conhecido a nível nacional e internacional.

Vai visitar o Algarve?Não hesite em reservar o seu hotel, o seu carro ou as melhores atividades passando pelos links aqui em baixo. Vai-me permitir continuar a oferecer-lhe gratuitamente dicas e guias para visitar Portugal. Obrigado!

Também lhe vai interessar:

  • o que visitar no algarve
  • visitar algarve
  • locais a visitar no algarve
  • sitios a visitar algarve
  • na costa algarvia podemos observr zonas