Faro, capital do Algarve, tem um carácter muito mais português do que o maioria das cidades turísticas do litoral. Todos os que apenas passam por aqui, por causa do aeroporto, são privados de uma escala verdadeiramente agradável. Venha visitar Faro e descobrir o que muitos estão a perder!

Conquistada pelos mouros em 713 d.C., a cidade de Faro, então conhecida como Ossónoba, fazia parte do califado de Córdova e, depois, da Taifa de Sevilha, antes de ser reconquistado pelo rei cristão Afonso III em 1249.

Duramente atingido pela frota britânica no século XVI e por dois grandes terramotos, incluindo o de 1755 que devastou toda a cidade, Faro oferece uma autêntica mistura de estilos arquitetónicos.

A sua pitoresca Cidade Velha e as suas muralhas medievais, as suas ruas estreitas para passear, a sua atraente marina, os seus parques e praças bem conservadas, os seus museus e as suas igrejas são boas razões para visitar Faro e para descobrir esta cidade pouco conhecida.

Descubra, de seguida, os 16 lugares mais bonitos a não perder em Faro e seus arredores, indicações sobre como chegar a Faro, como se deslocar na cidade e, claro, quais as melhores alturas para visitar Faro.

Top 16 dos lugares mais bonitos para visitar em Faro

1. Igreja de São Francisco

© wikipedia.org – PauloMoreira

A igreja do mosteiro de São Francisco, cuja construção começou em 1679, foi ampliada nos séculos XVIII e XIX. Tem uma fachada branca deslumbrante, enquanto o seu interior de estilo barroco combina magníficos trabalhos de marcenaria e azulejos pintados à mão. Poderá também ver a vida de São Francisco representada no seu impressionante teto abobadado.

Pequena dica: se chegar a Faro de carro, o estacionamento gratuito ao lado da igreja é um lugar tranquilo e perfeito para deixar o seu veículo para depois visitar a cidade a pé!

2. Palacete Belmarço

visitar Faro

O Palacete Belmarço é um dos edifícios mais bonitos de Faro. Originalmente, a residência do rico comerciante Manuel de Jesus Belmarço, construída em 1912 por Manuel Joaquim Norte Júnior, o arquiteto de renome da época, hoje abriga os serviços administrativos da cidade.

Aí pode admirar muitos motivos Art Nouveau da época: o torreão-mirante e as suas varandas de ferro forjado, os elementos decorativos em pedra esculpida, a cabeça de uma esfinge de calcário ladeando a porta e os dois painéis de azulejos representando monumentos e paisagens portuguesas, como a Torre de Belém e o Palácio Nacional da Pena.

3. Vila-Adentro

visitar Faro

A Vila-Adentro é a parte da cidade protegida pelas muralhas e inclui muitos pontos de interesse.

O Arco de Repouso permite entrar ou sair da Cidade Velha. Algumas das secções mais antigas das muralhas, melhorias feitas por Afonso III nas defesas mouriscas, encontram-se junto a esta porta.

visitar Faro

O Museu Municipal de Faro, ou o museu de história local da cidade, está localizado no convento renascentista de Nossa Senhora da Assunção, no antigo bairro judeu. Pode admirar os Caminhos do Algarve Romano, pedras monumentais colocadas na época do Império Romano, o Mosaico do deus Oceano do século III e objetos domésticos islâmicos dos séculos IX ao XIII.

visitar Faro
visitar Faro

A Sé Catedral de Faro, concluída em 1251, foi gravemente danificada pelo terramoto de 1755. Hoje, apresenta uma mistura de características arquitetónicas renascentistas, góticas e barrocas.

visitar Faro

Não hesite em subir a torre para apreciar a esplêndida vista sobre a Ria Formosa e a cidade fortificada.

visitar Faro

Outra porta de entrada para a Cidade Velha de Faro, o neoclássico Arco da Vila data de 1812. Da torre, acessível a partir do posto de turismo, não deixe de admirar o miradouro e as cegonhas que nidificam na Ria Formosa.

visitar Faro

No final do Largo da Sé, a Porta Nova liga a Cidade Velha à beira-mar, de onde os barcos partem em passeios e visitas à Ria Formosa.

visitar Faro

O Castelo de Faro é hoje conhecido como Fábrica da Cerveja, porque foi transformado no século XX numa fábrica de álcool. Está localizado em frente à Praça de São Francisco e os seus vestígios estão integrados nas muralhas de Faro.

visitar Faro

O castelo foi construído na cidadela muçulmana, a partir de 1249, após a reconquista da Península Ibérica. As suas defesas foram seriamente danificadas em 1596, quando a frota inglesa incendiou a cidade no caminho de volta da expedição a Cádiz.

4. Igreja da Misericórdia

visitar Faro

A Igreja da Misericórdia data do século XVI e fica em frente ao Arco da Vila. Esta igreja encantadora foi construída em estilo gótico português tardio, conhecido como estilo manuelino.

O terrível terramoto de 1755 causou-lhe tantos danos que hoje o seu estilo é quase unicamente barroco.

5. Jardim Manuel Bivar

visitar Faro

É um dos lugares mais antigos e emblemáticos da cidade, pois já era uma praça no início da ocupação cristã.

O Jardim Manuel Bivar é considerado o centro da cidade, um espaço cercado por edifícios importantes, como o hospital e a Igreja da Misericórdia, construídos antes do século XVII.

Alfândegas e edifícios do governo civil juntaram-se a eles entre os séculos XVII e XIX. Aí pode admirar, em particular, a soberba fachada do Banco de Portugal.

visitar Faro

O jardim foi criado aqui no final do século XIX e foi chamado de Jardim do Bacalhau no início por causa da sua forma. No verão, há feiras e eventos culturais.

6. Marina de Faro

visitar Faro

A Marina de Faro permite admirar os iates e fazer uma pausa para se refrescar num dos cafés aí situados. É aqui que se localiza o cais da Porta Nova, de onde os barcos partem para excursões ao Parque Natural da Ria Formosa.

Nas noites amenas de verão, é agradável passear da marina para a Cidade Velha pelo passeio marítimo. No extremo noroeste da marina, encontrará o Museu Marítimo de Faro.

Informação: está em Faro ou nas redondezas e quer desfrutar de um magnífico pôr-do-sol a bordo de uma pequena embarcação? Então reserve esta atividade (link afiliado) e saiba que terá o barco só para si e para a sua cara metade. Durante este passeio de 1h30, terá a oportunidade de desfrutar de champanhe enquanto observa a magnífica mudança de cores na Ria Formosa.

7. Museu Marítimo Almirante Ramalho Ortigão

visitar Faro

O Museu Marítimo Almirante Ramalho Ortigão exibe atualmente uma coleção etnográfica sobre a atividade marítima e pesca no Algarve. Aqui, pode admirar embarcações de pesca e outros barcos, instrumentos de pesca, equipamentos e materiais de bordo.

Também apresenta exposições interessantes sobre a época dos grandes exploradores portugueses, incluindo um modelo de um dos barcos com os quais Vasco da Gama cruzou o Cabo da Boa Esperança para a Índia em 1498.

8. Museu Regional do Algarve (Museu Etnográfico)

visitar Faro

Dedicado a salvaguardar a memória local, este interessante museu etnográfico dá a conhecer o quotidiano dos habitantes do Algarve noutros tempos.

De teares a instrumentos de pesca e de barcos a cestos de vime, bambu e folhas de palmeira, descubra o folclore regional e observe uma infinidade de objetos da vida de outrora. O museu também oferece reconstruções de hábitos antigos e modelos de lojas do século XIX.

visitar Faro
Para conhecer o meu Top dos melhores passeios e atividades no Algarve, clique aqui!

9. Mercado Municipal de Faro

O mercado municipal de Faro está aberto todas as manhãs e até às 14h num belo edifício branco. No interior, as lojas tradicionais vendem frutas, legumes, cereais, carnes, pães e flores.

À tarde, o sossego volta e algumas lojas funcionam como centro comercial. É um ponto de encontro onde verá facilmente residentes de Faro de todas as idades.

10. Igreja do Carmo e Capela dos Ossos de Faro

visitar Faro

Esta igreja deslumbrante é por si só uma boa razão para visitar Faro. É um dos símbolos da capital do Algarve, com a sua fachada espetacular e os seus dois campanários.

Obra-prima barroca concluída em 1719 sob o reinado de D. João V, foi com o ouro do Brasil que a sua reconstrução pós-terramoto foi paga. No interior, muitos querubins dourados esperam por si.

visitar Faro

A Capela dos Ossos (localizada na parte de trás da igreja) foi erigida com os crânios e ossos de muitos monges e pretende fazer refletir acerca da impermanência terrestre.

11. Convento de Santo António dos Capuchos

A fachada simples do Convento de Santo António dos Capuchos, datada do início do século XVII, esconde altares com esculturas em talha dourada, azulejos historicamente decorados e um claustro harmonioso.

A partir de 1834, serviu como quartel e prisão, depois foi usado em 1914 como museu arqueológico antes de retomar a sua função religiosa em 1973.

12. Igreja de São Pedro

Esta igreja, de aparência sóbria do lado de fora, é ricamente decorada com azulejos policromados. A Capela do Santíssimo Sacramento possui uma magnífica decoração em talha dourada.

visitar Faro

O que visitar nos arredores de Faro

13. Estói

visitar Faro

Estói, uma vila encantadora e pacífica a 10 km a norte de Faro, é uma paragem obrigatória depois de visitar Faro. Aí, situa-se o Palácio de Estói, um palácio em estilo rococó do século XIX e um dos mais bonitos do Algarve.

O bonito rosa do Palácio de Estói contrasta maravilhosamente com os seus magníficos jardins. Apesar de ser um hotel de luxo, todos podem visitar gratuitamente (basta pedir na receção).

Igreja Matriz de Estói em estilo neoclássico, amplamente restaurada após 1755, merece uma visita por um bom motivo. Os seus altares são feitos de madeira de barcos antigos e um deles é constituído por equipamentos agrícolas. Realmente surpreendente!

14. Ruínas Romanas de Milreu

visitar Faro

Também em Estói, poderá descobrir alguns dos vestígios romanos mais bem preservados da região. As ruínas romanas de Milreu são as de uma vila de luxo que data do Império Romano (século II d.C.).

A vila romana incluía um grande templo e banhos termais. Não perca os mosaicos de peixes, perfeitamente preservados, presentes num dos tanques de banhos.

15. Praia de Faro

© wikipedia.org – Marc Ryckaert

A praia mais próxima de Faro está localizada na Ilha de Faro, 9 km a oeste do centro. Muito frequentada no verão, aí terá a possibilidade de alugar pranchas de surf e kitesurf, encontrará bares, restaurantes, hotéis e pousadas da juventude. É um local de lazer e um lugar bonito para admirar o esplêndido pôr-do-sol sobre a Ria Formosa.

Duas linhas de autocarro partem do terminal rodoviário, com grande frequência no verão. Também é possível chegar lá de barco, com ponto de partida na cidade.

16. Ria Formosa

visitar Faro

Um vasto sistema lagunar que se estende por 60 km a oeste de Faro até Cacela Velha, a Ria Formosa está classificada como um parque natural desde 1987. Os seus 18 000 hectares incluem pântanos, salinas, riachos e ilhas arenosas.

Área importante para aves migratórias e que nidificam, é o local ideal para passeios de observação de pássaros, caminhadas e pode até sentir-se sozinho no mundo neste paraíso natural. Pode chegar às praias das ilhas de táxi aquático.

Para informações detalhadas sobre cada ilha da Ria Formosa, convido-o a ler este artigo.

Informação: quer explorar a Ria Formosa de bicicleta e na companhia de um guia experiente? Se for o caso, saiba que esta atividade de 3 horas (link afiliado) é ideal para ter um dia diferente no Algarve. Seja com família, amigos ou mesmo sozinho, descubra de bicicleta e num percurso fácil algumas maravilhas deste parque natural junto à cidade de Faro.

Roteiro para visitar os sítios mais bonitos de Faro e arredores

Se visitar Faro de carro, convido-o a deixar o seu veículo no parque de estacionamento gratuito da Igreja de São Francisco. Em seguida, inicie o percurso pela igreja e continue na ordem indicada no artigo.

Claro que, se não deseja explorar Faro ao máximo nem conhecer todos os 16 pontos de interesse apresentados acima, pode criar o seu próprio roteiro!

Para explorar a Ria Formosa, vá ao cais perto da Porta Nova, junto ao Largo da Sé, nos arredores da Cidade Velha. Aí, encontrará muitos ferries e táxis aquáticos.

Para chegar a Estói, localizado a cerca de 10 km de Faro, vá no seu carro ou apanhe o autocarro nº 65 no terminal rodoviário.

Onde dormir em Faro

Stay Hotel Faro*** 8,2/10 (link afiliado)

Este hotel situa-se a 200 metros do Jardim Manuel Bivar e da Marina de Faro. O Stay Hotel Faro tem um bar, além de acesso Wi-Fi gratuito em toda a área. Apesar de não ser de cinco estrelas, este é um dos hotéis no Algarve que deve considerar.

Preço: 75 €/noite, 2 pessoas

Informação: O preço apontado é meramente indicativo; para saber os valores para as diferentes alturas do ano, por favor visite a página do Stay Hotel Faro no Booking.

Hotel Eva**** 8,5/10 (link afiliado)

O Hotel Eva, centralmente localizado em Faro, proporciona uma piscina exterior no terraço do último piso, bem como um centro de bem-estar com uma sauna e um banho turco. O aeroporto e a praia estão apenas a 10 km.

Preço: 100 €/noite, 2 pessoas

Informação: O preço apontado é meramente indicativo; para saber os valores para as diferentes alturas do ano, por favor visite a página do Hotel Eva no Booking.

Hotel Faro**** 8,2/10 (link afiliado)

Localizado no centro de Faro, apenas a 5 minutos a pé da estação ferroviária e do terminal rodoviário, este moderno hotel tem vista para a cidade velha, para a marina e para o Parque Natural da Ria Formosa. O acesso Wi-Fi está disponível gratuitamente em todo o hotel.

Durante a época de verão, o Hotel Faro dispõe de um serviço de transporte gratuito para a Praia de Faro, onde está situado o Clube de Praia do hotel.

Preço: 110 €/noite, 2 pessoas

Informação: O preço apontado é meramente indicativo; para saber os valores para as diferentes alturas do ano, por favor visite a página do Hotel Faro no Booking.

Onde comer em Faro

À do Pinto

A Venda

Taberna Zé-Zé

Mercearia São Pedro

Ria Formosa Restaurant

Epicur Boutique Wine Bar

Como chegar a Faro

O Aeroporto Internacional de Faro está localizado a 7 km a sudoeste da cidade. É servido por 3 a 4 voos diários para Lisboa pela companhia aérea TAP, muitos voos internacionais, incluindo um voo diário direto para Paris com a Easyjet, Ryanair ou Transavia.

Para chegar a Faro a partir do aeroporto, precisará de apanhar as linhas de autocarro 14 e 16. A linha 16 que liga o centro da cidade e a praia é muito popular no verão. A viagem dura apenas 15 minutos e há mais de 20 ligações diárias na época alta.

Também pode apanhar um táxi, sabendo que uma viagem do aeroporto ao centro da cidade custará cerca de 12 euros. Como alternativa, tem a opção de alugar um carro (link afiliado).

Também é possível chegar a Faro de comboio. Conte com 3h a 3h30 se viajar de Lisboa-Entrecampos para a estação de Faro, no centro da cidade. A frequência da ligação é de 5 vezes ao dia. De carro, a viagem da capital portuguesa pela autoestrada A2 leva aproximadamente 3 horas, para percorrer os 280 km de distância.

Como se deslocar em Faro

O transporte público é uma boa opção e há uma infinidade de táxis razoavelmente baratos. Para chamar um táxi, ligue para o número 289 895 790. Um ponto de táxi está localizado em frente à estação de comboio.

A empresa Ilha Deserta oferece passeios de 2,5 horas durante todo o ano no parque da Ria Formosa. Entre maio e setembro, há 4 ligações diárias de barco que podem levá-lo para a Ilha da Barreta. O seu cais e o dos táxis aquáticos está localizado perto de Porta Nova.

Clique aqui para fazer o download do mapa da cidade de Faro.

Quando visitar Faro

A época alta em Faro e no resto do Algarve ocorre em julho e agosto. Maio, junho e setembro também são meses frequentados por turistas.

Dependendo do clima

A temperatura média varia de 8 ºC a 17 ºC no inverno e de 18 ºC a 29 ºC no verão, a temperatura da água varia pouco, de 17 ºC no inverno a 23 ºC em agosto e setembro.

São muitos os dias de sol em Faro ao longo do ano. Este é um dos clichês do Algarve e é verdade.

Os meses de junho, julho e agosto são os meses em que praticamente não chove em Faro. Fevereiro, março, abril e novembro são meses com até 8 dias de chuva. No entanto, outubro, novembro e especialmente dezembro são os que apresentam maior probabilidade de precipitação.

Dependendo das festividades

O Festival Internacional de Música do Algarve reúne um grande número de artistas de renome internacional. Realiza-se no final de abril, início de maio, e apresenta peças clássicas executadas por grandes orquestras portuguesas.

Faro organiza também um dos maiores festivais de motos da Europa em meados de julho. A Concentração Internacional de Motos de Faro atrai milhares de visitantes de todo o continente para assistir a espetáculos todas as noites, com bandas de rock famosas.

FolkFaro é, como o próprio nome indica, um festival folclórico, que reúne bandas locais e estrangeiras. Uma semana inteira de música e festas de rua no final de agosto que é garantia de atrair grandes multidões.

Em agosto, há também o Festival Ria Formosa, uma festa perfeita para descobrir comida local e bebidas tradicionais.

Quanto às festas religiosas tradicionais, a Feira de Santa Iria acontece no final de outubro. Uma feira e numerosos eventos homenageiam Santa Iria durante o festival tradicional mais importante de Faro.

Melhor época para visitar Faro

Se quer evitar os preços elevados praticados no Algarve, evite a época alta (julho e agosto) e a passagem de ano. Visite o Algarve entre Janeiro e junho e em setembro e outubro.

Se deseja evitar a época alta, os meses da primavera (a partir de abril) e do início do outono são naturalmente os melhores meses para visitar Faro e aproveitar o clima ameno da costa sul de Portugal, ao mesmo tempo que evita as multidões. No entanto, Faro pode ser facilmente visitada durante todo o ano.

Vai visitar Faro? Não hesite em reservar o seu hotel, o seu carro ou as melhores atividades passando pelos links aqui em baixo. Vai-me permitir continuar a oferecer-lhe gratuitamente dicas e guias para visitar Portugal. Obrigado!

Também lhe vai interessar: